Comece bem o seu dia!

misticos

A ARTE DE SER FELIZ…

Acorde todas as manhãs com um sorriso.
Esta é mais uma oportunidade que você tem para ser feliz.

Seja seu próprio motor de ignição.
O dia de hoje jamais voltará. Não o desperdice, pois você nasceu para ser feliz!

Enumere as boas coisas que você tem na vida.
Ao tomar consciência do seu valor, você será capaz de ir em frente com muita força, coragem e confiança!

Trace objetivos para cada dia.
Você conquistará seu arco-íris, um dia de cada vez.

Seja paciente.
Não se queixe do seu trabalho, do tédio, da rotina, pois é o seu trabalho que o mantém alerta, em constante desenvolvimento pessoal e profissional, além disso o ajuda a manter a dignidade.

Acredite, seu valor está em você mesmo.
Não se deixe vencer, não seja igual, seja diferente.
Se nos deixarmos vencer, não haverá surpresas, nem alegrias…

Conscientize-se que a verdadeira felicidade está dentro de você.
A felicidade não é ter ou alcançar, mas sim dar.

Estenda sua mão.
Compartilhe.
Sorria.
Abrace.
A felicidade é um perfume que você não passa nos outros sem que o cheiro fique um pouco em suas mãos.

O importante de você ter uma atitude positiva diante da vida, ter o desejo de mostrar o que tem de melhor, é que isso produz maravilhosos efeitos colaterais.
Não só cria um espaço feliz para os que estão ao seu redor, como também encoraja outras pessoas a serem mais positivas.

O tempo para ser feliz é agora. 

O lugar para ser feliz é aqui!

Dezoito maneiras de viver bem

mol163

1) Leve em consideração que grandes amores, e grandes realizações envolvem grandes riscos.

2) Quando você perder, não perca a lição.

3) Siga os 3 Rs: respeito por você; respeito pelos outros; responsabilidade sobre suas ações.

4) Lembre-se de que não conseguir o que se quer algumas vezes é um tremendo golpe de sorte.

5) Aprenda as regras, assim você saberá como quebrá-las devidamente.

6) Não permita que uma pequena disputa prejudique uma grande amizade.

7) Quando você perceber que cometeu um erro, tome decisões imediatas para corrigi-lo.

8) Passe algum tempo sozinho todo dia.

9) Abra seus braços às mudanças, mas não abandone seus valores.

10) Lembre-se de que o silêncio às vezes é a melhor resposta.

11) Viva uma vida boa e honorável. Assim, quando você envelhecer e voltar no tempo poderá aproveitá-la uma segunda vez.

12) Uma atmosfera de amor na sua casa é a base para a vida.

13) Nos desentendimentos com aqueles que ama, lide somente com a situação em questão. Não revolva o passado.

14) Divida seus conhecimentos. É uma forma de atingir a imortalidade.

15) Seja gentil para com a terra.

16) Lembre-se de que o melhor relacionamento é aquele no qual o amor pelo outro excede a necessidade dele.

17) Julgue seu sucesso pelas coisas das quais você teve que abrir mão para consegui-lo.

18) Aproxime o ato de amar ao de cozinhar, ouse despreocupadamente.

Por Dalai Lama

Arcano do dia -“Quatro de Espadas”

quatroespadas

Iniciamos a semana com a bela Rainha de Paus, trazendo aí a energia do fogo para as grandes realizações, mas hoje o quatro de espadas aparece para pedir a pausa, a reflexão e o pensamento claro.

Quando não há nada que possa ser feito, o jeito é saber esperar. Porém, quem hoje consegue se permitir ficar quieto e não intervir? A ansiedade é tanta que precisamos nos sentir no controle da situação, ao ponto até de determinar como outros devem ou não agir.

Se isso sempre trouxesse resultados positivos, ainda haveria uma razão de ser. Entretanto, observamos que, na prática, quanto mais ficamos em cima de algo mais a situação se complica.

Assim, de vez em quando é simplesmente melhor dar uma recuada e se permitir deixar o tempo passar. Muitas vezes isso significa ficar um tempo só, após sucessivas tentativas fracassadas de relacionamento ou tirar férias, quando não conseguimos encerrar um trabalho de jeito nenhum.

O importante é se permitir dar um tempo, até mesmo para reorganizar as ideias, relaxar, descansar, ou obter uma perspectiva diferente da vida. Afastar-se também pode ajudar os outros a perceber a importância que você tem na vida deles. Ou seja, se você estiver sempre presente, seja no trabalho, seja nos relacionamentos, nunca fará falta.

Boa terça-feira a todos!

Namastê!

Miss Imperfeita…

 

agora1154

Eu não sirvo de exemplo para nada, mas, se você quer saber se isso é possível, me ofereço como piloto de testes. Sou a Miss Imperfeita, muito prazer. A imperfeita que faz tudo o que precisa fazer, como boa profissional, mãe, filha e mulher que também sou: trabalho todos os dias, ganho minha grana, vou ao supermercado, decido o cardápio das refeições, cuido dos filhos, marido (se tiver), telefono sempre para minha mãe, procuro minhas amigas, namoro, viajo, vou ao cinema, pago minhas contas, respondo a toneladas de e mails, faço revisões no dentista, mamografia, caminho meia hora diariamente, compro flores para casa, providencio os consertos domésticos e ainda faço as unhas e depilação! E, entre uma coisa e outra, leio livros. Portanto, sou ocupada, mas não uma workholic. Por mais disciplinada e responsável que eu seja, aprendi duas coisinhas que operam milagres. Primeiro: a dizer NÃO. Segundo: a não sentir um pingo de culpa por dizer NÃO. Culpa por nada, aliás.Existe a Coca Zero, o Fome Zero, o Recruta Zero. Pois inclua na sua lista a Culpa Zero. Quando você nasceu, nenhum profeta adentrou a sala da maternidade e lhe apontou o dedo dizendo que a partir daquele momento você seria modelo para os outros.Seu pai e sua mãe, acredite, não tiveram essa expectativa: tudo o que desejaram é que você não chorasse muito durante as madrugadas e mamasse direitinho.Você não é Nossa Senhora.Você é, humildemente, uma mulher. E, se não aprender a delegar, a priorizar e a se divertir, bye-bye vida interessante. Porque vida interessante não é ter a agenda lotada, não é ser sempre politicamente correta, não é topar qualquer projeto por dinheiro, não é atender a todos e criar para si a falsa impressão de ser indispensável. É ter tempo.Tempo para fazer nada.Tempo para fazer tudo.Tempo para dançar sozinha na sala.Tempo para bisbilhotar uma loja de discos.Tempo para sumir dois dias com seu amor.Três dias. Cinco dias! Tempo para uma massagem.Tempo para ver a novela.Tempo para receber aquela sua amiga que é consultora de produtos de beleza.Tempo para fazer um trabalho voluntário.Tempo para procurar um abajur novo para seu quarto.Tempo para conhecer outras pessoas.Voltar a estudar. Para engravidar.Tempo para escrever um livro que você nem sabe se um dia será editado.Tempo, principalmente, para descobrir que você pode ser perfeitamente organizada e profissional sem deixar de existir. Porque nossa existência não é contabilizada por um relógio de ponto ou pela quantidade de memorandos virtuais que atolam nossa caixa postal. Existir, a que será que se destina? Destina-se a ter o tempo a favor, e não contra.A mulher moderna anda muito antiga. Acredita que, se não for super, se não for mega, se não for uma executiva ISO 9000, não será bem avaliada. Está tentando provar não-sei-o-quê para não-sei-quem. Precisa respeitar o mosaico de si mesma, privilegiar cada pedacinho de si. Se o trabalho é um pedação de sua vida, ótimo!Nada é mais elegante, charmoso e inteligente do que ser independente. Mulher que se sustenta fica muito mais sexy e muito mais livre para ir e vir. Desde que lembre de separar alguns bons momentos da semana para usufruir essa independência, senão é escravidão, a mesma que nos mantinha trancafiadas em casa, espiando a vida pela janela. Desacelerar tem um custo. Talvez seja preciso esquecer a bolsa Prada, o hotel decorado pelo Philippe Starck e o batom da M.A.C. Mas, se você precisa vender a alma ao diabo para ter tudo isso, francamente, está precisando rever seus valores. E descobrir que uma bolsa de palha, uma pousadinha rústica à beira-mar e o rosto lavado (ok, esqueça o rosto lavado) podem ser prazeres cinco estrelas e nos dar uma nova perspectiva sobre o que é, afinal, uma vida interessante.

Martha Medeiros – Jornalista e escritora